Home | @busar | FAQ | Notícias | Processos | Imprimir | CADASTRO | ATUALIZAÇÃO | PAGAMENTO | SEU IP : 54.161.40.41
ABUSAR e INTERNET 
Apresentação
Como se inscrever
Benefícios
Atualizar Cadastro
Teste de LOG OFF
Perguntas freqüentes
Links recomendados
Contatos
Custos

Biblioteca
Dados Internet Brasil 
Material de imprensa
Notícias: News Fórum
Notícias publicadas
Termos/Cond. de Uso
Circulares
Linha do Tempo

LEGISLAÇÃO
Justiça
Processos
Regulamentação Anatel
Documentos
Consulta Pública 417

TECNOLOGIA
Manuais
Modems - Configuração
Testes de Velocidade
Conexão/Traceroute
Autenticação
Tutoriais
Tecnologias
VoIP
Portas
Provedores
Antivirus
Hardware Cabos
Linux: dicas de uso
Redes privadas VPN
Softwares (download)
FTP Abusar Pitanga

SEÇÕES
AcesseRapido
ADSL
AJato
BRTelecom
Cabo
Humor
Neovia
Rádio
Sercomtel
StarOne
TV Digital
Velox
Vesper Giro
Virtua

Serviços GDH


Guia do Hardware

Fórum GDH

Serviços ModemClub

SpeedStat
Teste sua conexão
Mostra IP
Descubra seu IP e Host Name
Suporte ModemClub

Fórum Banda Larga

Clube das Redes
Clube do Hardware
ConexãoDLink
Fórum PCs
InfoHELP -
Fórum
Portal ADSL - Fórum
PCFórum
- Fórum
Tele 171

Fale com a ABUSAR
Escreva ao Webmaster
Material de imprensa

Copyleft © 2002 ABUSAR.org
Termos e Condições de Uso

Speakeasy Speed Test

WEBalizer

Webstats4U - Free web site statistics Personal homepage website counter


Locations of visitors to this page
 
O malvado consumidor e o seu covarde direito de ação
Por Lisandro Moraes

As associações de instituições financeiras têm reclamado publicamente do malvado consumidor e o seu covarde direito de ação.

Almoços de confraternização com o presidente do STJ foram realizados para reclamar dos abusos deste consumidor contra as frágeis e filantrópicas instituições financeiras, vítimas desta maléfica ferramenta que é o direito constitucional de ação.

E o STJ, verificando os abusos cometidos por estes consumidores, já se posicionou: "não há abusividade na cobrança de juros de 400% ao ano", quanto mais porque os consumidores têm recebido excessivos 10% ao ano de recomposição salarial e abusivos 0,62% ao mês de rendimento na caderneta de poupança.

Ora, se o consumidor "assinou tem que cumprir", principalmente porque o contrato foi feito somente em seu proveito! Ora, este consumidor está de má-fé!

O que está pensando este malvado consumidor ? As instituições financeiras só querem trabalhar em paz, ajudando os consumidores que estão em dificuldades financeiras, cobrando seus jurinhos filantrópicos, que mal conseguem mantê-las funcionando, lutando para sobreviver no Brasil.

Juros de meros 400%, crescimento em progressão geométrica, bilhões e bilhões de lucratividade, o maior crescimento de todos os tempos, o que é isto perto do poder do opressor e abusivo consumidor, de sua hipersuficiência, de seus absurdos lucros de 0,62% ao mês na poupança e de seu salário que cresce a abusivos 10% ao ano.

O que está pensando este malvado consumidor, só porque a Constituição Federal, um mero pedaço de papel, que lhe garante um tal direitinho de ação, essa maléfica ferramenta, ele se prevalece para abusar das pobres instituições financeiras.

Os consumidores estão tramando! Antes era a indústria do dano moral, agora é a indústria das ações revisionais! (Ao menos alguém está promovendo uma revolução industrial, coisa que o governo não consegue fazer).

Assim não dá! Se o malvado do consumidor continuar exercendo o seu maléfico direito constitucional de ação contra as bondosas e filantrópicas instituições financeiras, que mal conseguem se manter com algumas dezenas de bilhões de lucro ao ano e cobram taxas de juros que visam exclusivamente ajudar aqueles que estão em dificuldades, elas terão que decretar falência, quadro que já está se afigurando há tempos!

Conclusão: Buscar a Justiça é má-fé! Procurar os seus direitos básicos garantidos pela Constituição Federal é abuso! Oferecer dinheiro "fácil", com juros de 400% ao ano, sem qualquer cautela quanto se o consumidor terá condições de cumprir o contrato e não avisar os resultados do endividamento que poderá ser gerado, bem como os prejuízos para o seu sustento e de sua família, isto é um exercício de cidadania!

Google

Digite os termos da sua pesquisa
   
Enviar formulário de pesquisa 

Web www.abusar.org
KoriskoAnim.gif

Internet Segura

Teste a qualidade de sua conexão Internet

abusarXspeedy.jpg (29296 bytes)

AGE - OSCIP

Limite de Download

DICAS

Você pode ser colaborador da ABUSAR
Envie seu artigo, que estudaremos sua publicação, com os devidos créditos !

Compartilhamento de Conexão

Alteração de Velocidade

Mudança de Endereço mantendo o Speedy Antigo

Cancelando o Speedy

Comparação entre Serviços de Banda Larga

Qual a melhor tecnologia da banda larga?

Como saber se seu Speedy é ATM, Megavia, PPPOE ou Capado (NovoSpeedy)  

Guia para reduzir gastos Telefônicos

Economizando Megabytes em sua Banda Larga

"Evolução" dos Pop-ups do Speedy

SEGURANÇA

Crimes na internet? Denuncie

Segurança antes, durante e depois das compras

Acesso a bancos
Uma ótima dica, simples mas muito interessante...

Curso sobre Segurança da Informação

Uso seguro da Internet

Cartilha de Segurança para Internet
Comitê Gestor da Internet

Guia para o Uso Responsável da Internet

Dicas de como comprar
com segurança na internet

Site Internet Segura

Dicas para navegação segura na Web

Proteja seu Micro

DISI,jpg
Cartilha de segurança para redes sociais

Cartilha de segurança para Internet Banking

Cartilhas de Segurança CERT

  1. Segurança na Internet
  2. Golpes na Internet
  3. Ataques na Internet
  4. Códigos Maliciosos (Malware)
  5. SPAM
  6. Outros Riscos
  7. Mecanismos de Segurança
  8. Contas e Senhas
  9. Criptografia
 10. Uso Seguro da Internet
 11. Privacidade
 12. Segurança de Computadores
 13. Segurança de Redes
 14. Segurança em Dispositivos Móveis

Proteja seu PC
Microsoft Security

AÇÃO CIVIL PÚBLICA - MPF
HISTÓRICO
- Processo - Réplica - Quesitos - Decisão

Quer pôr fotos na Web e não sabe como?

Mantenha o Windows atualizado (e mais seguro) !

Tem coisas que só a telecômica faz por você !

Terra

Rodapé


Fale com a ABUSAR | Escreva ao Webmaster | Material de imprensa
Copyright © 2000 - 2009 ABUSAR.ORG. Todos os direitos reservados.
Termos e Condições de Uso
www.abusar.org - www.abusar.org.br

 Search engine technology courtesy FreeFind